Propagandas

Pesquisar no BLOG

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Desabafo enviado por um agente penitenciário.

Santa Catarina - Estamos cansados! Estressados e começamos a ficar doentes.

Em janeiro, começaram os plantões extras e em maio o governo prorrogou até o final de outubro. Agora será renovado, possivelmente até maio de 2014.

A Constituição Brasileira diz que o servidor público trabalha 40 horas semanais, perfazendo um total de 160 horas/mês.

Os agentes penitenciários laboram em escala de plantão de 24 horas e descansando 72 horas, fazendo por mês mais de 200 horas e recebem 40 horas extras...>

Só que com os reforços, estamos fazendo mais 96 horas, além das 200 horas previstas na lei.

Na Capital, mesmo com a convocação, há falta de efetivo.

Desde janeiro, a metade dos agentes, que faziam os plantões já saíram.

O Tribunal de Justiça já deu ganho de causa para mais de 200 agentes, que aguardam a convocação e o governo protela a nomeação.

Estamos cansados, estressados e a maioria dos agentes, que fazem plantão extra estão ficando abalados emocionalmente, engordando e principalmente suas famílias estão cobrando o retorno a seus lares.

O governo do Estado está nos impondo trabalho análogo à escravidão, estatal. E essas 96 horas, o governo não nos paga.

Na Capital, há movimento para que nenhum agente faça mais plantões extras. E mais, estamos ficando mais expostos, ao perigo e ameaças, principalmente do PGC.

Obrigado.

TWITTER

Siga o BLOG pelo Google+

Google+ Seguidores

Interessados