Propagandas

Pesquisar no BLOG

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Agentes penitenciários de MT rejeitam contraproposta do governo.

Agentes penitenciários de Mato Grosso rejeitaram, esta tarde, a contraproposta do governo do Estado de reajuste salarial de 7,5% em 2014 e mais 7,5% em 2015. A assessoria informou, que cerca de 300 servidores de Cuiabá e do interior participaram da assembleia e ainda apresentaram inúmeros posicionamentos.

"Diversos posicionamentos foram defendidos, mas a maioria decidiu não aceitar a contraproposta por acreditar ser um percentual muito baixo diante do trabalho ariscado e difícil realizado diariamente por todos que trabalham nas unidades prisionais do Estado", disse o presidente do sindicato da categoria, João Batista.

Batista ainda mencionou que uma outra contraproposta será entregue ao Estado. "A categoria decidiu por pedir um aumento de no mínimo 15%, além da inclusão dos servidores de nível superior, que não receberiam o reajuste proposto pelo governo".

A contraproposta, que a categoria vai apresentar ao Estado, deve ser entregue essa semana. Na sexta-feira (9), será realizada uma assembleia para informar aos servidores se o governador Silval Barbosa aceitou ou não a contraproposta. Nesta reunião a categoria também deve definir os próximos passos da greve, que está suspensa desde sexta-feira (2).

Conforme Só Notícias já informou, Mato Grosso tem aproximadamente 2,5 mil servidores. Eles reivindicam melhores condições de trabalho e reposição salarial de 75%, em três vezes.
Bianca C. Zancanaro
Só Notícias

TWITTER

Siga o BLOG pelo Google+

Google+ Seguidores

Interessados